quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Like a... Madonna !

Buenas, leitores autorizados!

Como estamos na semana em que a Rainha do Pop, Madonna, que tem 7 letras, 5 diferentes e 2 que se repetem, completou 52 anos de vida, nada mais justo do que publicar um post quase inteiro para ela. Quase, porque reservei um lugarzinho para os meus convidados da sorte.








Para Madonna Louise Ciccone,



-
Esse post modestamente confeitado é só um sopro de memória, se comparado a tudo o que viveu em suas três décadas de carreira essa que é uma das maiores e a mais bem-sucedida cantora pop que a minha geração e também todas as gerações seguintes conheceram. Uma força inigualável, de magnitude realmente estelar. Uma mulher que parece sempre olhar para frente, que soube como ninguém pintar a cena pop com tonalidades de um barroco trazido às luzes (ou às trevas) do contemporâneo. Dualidades tipo o sagrado e o profano; conflitos entre castidade versus sensualidade; o decoro, a retidão e moderação nas cores e nos gestos contra a explosão e força na indecência berrante, que contagia justamente porque ardente é a liberdade do ser apaixonado, tudo isso dançando e queimando em imagens por sobre letras que passaram com o tempo a revelar um pouco de suas próprias memórias.




Entre altos e baixos, trabalhos de qualidade e outros de gosto duvidoso, essa mulher de incisivos ligeiramente separados parece sempre renascer. Definitivamente Madonna começou (?) como uma virgem (que nada, ela já era um sucesso antes de entrar nos palcos perguntando se alguém da plateia gostaria de lhe tirar a virgindade, se casando com ela) e atravessou fases de provocante imoralidade (marketing eficiente e forte), censuras (lucrativas), e vivendo dias difíceis na vida particular, e passou por todos os dias difíceis, todos, para hoje estar de casamento marcado com Jesus. Quem diria, Madonna encontrou Jesus. E quem diria, Jesus por ela se apaixonou. A vida não é irônica? Sim, e também é triste, dolorosa, serena, repleta de variações e imprevistos. Mas a vida deveria ser sempre como a Madonna vestida de vermelho vivo, de paixão, dançando La Isla Bonita. O melhor da vida é isso, ritmo gostoso, alegria, é festa, e arrebatamento.




As 52 velinhas do bolo:
Sobre Madonna:

----
1. A aplicada aluna de dança, arte para a qual ingressou contrariando a vontade do pai.


2. A versátil instrumentista das primeiras bandas.





3. A menina dura de grana que faz bicos até cair nas graças de Mark Kamins, produtor que leva uma gravação para a Sire Records. Na fita canções criadas por Madonna.





4. O primeiro contrato com uma grande gravadora.




5. O primeiro single.
(enorme sucesso no Brasil.)






6. No ano seguinte o primeiro álbum.

7. Holiday alcança o top 100 da Billboard.





8. O cinema
(Procura-se Susan Desesperadamente).


09. Like a Virgin arrebata as paradas de sucesso.


10. A primeira turnê.



--
11. Sean Penn.

12. Em 1986 lança o álbum de maior sucesso comercial, True Blue, que contém a música que eu mais amo de toda a carreira dela (assistam ao vídeo e ouçam minha preferida). Mas considerando que sou apaixonado por muitas canções ao longo de sua discografia, soa estranho até para mim mesmo ter uma favorita.





13. Separação, Sean Penn.

14. O clipe de Like a Prayer (que música, que arranjo!!!) é lançado sob uma saraivada de críticas e polêmicas por causa da falta de decoro da profana Madonninha à frente de certa imagem sacra, cruzes enormes de madeira pegando fogo... Vigor, belo canto, dança, energia! Lindo vídeo!



-
15. Sucesso no cinema, com Dick Tracy.
Na trilha, ela interpreta a canção Sooner or Later, vencedora do Oscar.


--
16. Com o lançamento da coletânea Immaculated Collection, o clipe Justify my Love domina as paradas na MTV brasileira. O vídeo é banido da TV americana. A igreja iria sentir saudade de Like a Prayer.





17. As performances um tanto 'assanhadas' durante a música Like a Virgin, na turnê Blondie Ambition, momento editado e transformado num clipe, que a MTV brasileira transmitiu exaustivamente.





18. Madona recebe o Grammy pelo vídeo 'assanhadinho'.

19. O álbum Erotica é lançado. O livro ‘Sex’ também.
Muito erotismo, pouca venda
(para o potencial de uma Madonna).
‘Só’ 7 milhões de cópias do disco.

Campanha para a Louis Vuitton

--
20. 1993: Madonna vem pela primeira vez ao Brasil, com a turnê The Girlie Show.








21. No cinema, Corpo em Evidência: eu assisti a esse filme ao lado da minha primeira namorada. Lembro das cenas de Sadomasoquismo, das velas... Tão inocentes, e eu com 16 anos achando tediosas. Será que eu esperava mais das velas? Ou será que esperavam mais de mim?





22. Depois da carga pesada de erotismo
o lançamento do álbum Bedtimes Stories é um refresco nas polêmicas.






23. Mais prêmios, dessa vez pela MTV.
24. Coletânea de baladas.
25. Nela, a linda e inédita You'll See.
www.youtube.com/watch?v=zyFzpBAZICc&feature=channel




26. Evita!
27. Mais um Oscar, mais uma canção interpretada por Madonna para a ocasião.
--
--
28. De Andrew Lloyd Webber, You Must Love Me.




29. E não é que a música levou o prêmio.
30. Pezinho quente o da bailarina...

31. A primeira filha, Lourdes Maria, vem ao mundo.





32. Vencedora do Globo de Ouro por sua atuação em Evita.




33. Mas nada no Oscar, nem sequer uma indicação.

34. No álbum Ray of Light a sonoridade é de vez eletrônica.
35. Ray of Light ganha quatro Grammys.

36. Madonna, mais prêmios.

37. Mais filho.

38. Marido a essa altura quase ex, Guy Ritchie.

39. Mais trilhas para o cinema.
40. Mais turnês.



---
41. Mais teatro.

42. Fracassos cinematográficos.

43. (flerte razoável)
música e atuação discreta, apesar dos sabres, em James Bond, Die Another Day.


---
44. Britney Spears, a noiva. Madonna, o noivo. Beijokinha. Mais polêmica.


45. Livros e mais livros infantis.









46. Retorno às pistas de dança com o álbum Confessions on a Dance Floor.





47. Adoção (vide o n° 37).

48. Consolidada a parceria com Justin Timberlake,
Madonna lança Hard Candy.
---
--
49. Nova separação matrimonial.

50. E finalmente Jesus.





51. Em 2010 a Diva do Pop assistiu ao carnaval carioca,
o do sambódromo pelo menos.

52. Atualmente a cantora está produzindo um filme sobre Eduardo III.




Imagem da última turnê, Sticky and Sweet


Lugar Reservado para os meus convidados da sorte. Mas também para os leitores autorizados, estes, meus convidados ilustres. Agradeço a presença de todos que vieram e apagaram as 52 velhinhas desse post.
--
Meus convidados da sorte:
Pra animar ainda mais a festa!!!!
























DANCE ! DANCE ! DANCE ! DANCE ! DANCE ! DANCE !












CAMILLO LANDONI

XIII.

7 comentários:

Thaty Louise disse...

Landoni,

Estou até com vergonha de ficar te elogiando tal e tal... ADOREI!!!!!!!!!! Olha, nem posso dizer que aamo Madonna, assim, assado, mas o post ficou mais que demais! Uma verdadeira aula sobre a maior diva pop!!!
Estou esperando que vc termine looogo, colocando as imagens. Estou super em dúvida, hum, por exemplo, qd vc fala do fracasso cinematográfico... Ai, será que é o filme que o Guy dirigiu? O "Destino Insólito"? Tomara que nãããããão, pq amo esse filme. Só fico COMPLTAMENTE revoltada com o final.Abafa!
Lindo, lindo, lindo o post!!!!!!

Thaty Louise disse...

Ah, mais uma vez vou pegar sua carona, mas será para presentear minha mana, leonina e que, não por acaso, ama a Madonna, com uma listinha em homenagem à minha soror, mia sorella!!!!
VC se importa que as pessoas, hum, assim, fiquem pegando carona nas suas ideias? Acho que eu e o Lohan podemos fazer isso forever!!!

Kisses a lot!

Camillo Landoni disse...

Vergonha de ficar me elogiando? Deixa ver se entendi... Não, não entendi. rs

Obrigado pelo carinho, por suas palavras e presença valiosíssimas.

Pronto, terminei!
O post está completo.

hahahaaha - Madonna tem uma coleção de filmes mal-sucedidos. Ela foi considerada a pior atriz do século. Mas quem disse que ela desiste?

O filme que citei no post, Corpo em Evidência, é um exemplo dos muitos fracassos. E infelizmente o filme que vc ama tbm está nessa lista, pra se ter uma idéia do prejuízo: não ficou nem um mês em cartaz nos EUA, custou 10 milhões de dólares e arrecadou aprox. 500.000 nas bilheterias americanas. Pra completar Destino Insólito tem no currículo pelo menos cinco prêmios (o Framboesa): pior filme, refilmagem, diretor, atriz para Madonna e pior par romântico (Madonna e Adriano Giannini). Lembrando que não estou dando nehuma opinião, só apresentando fatos.

Mas ela teve alguns grandes sucessos, como Procura-se Susan Desesperadamente, Dick Tracy, A League of their Own, e claro, Evita.

Se a sua irmã é fã da Madonna, ficaria honrado se ela visse meu post. Parabéns a ela pelo aniversário e...

Claro, evidente que vcs podem pegar carona nas minhas ideias, sempre.

Valeu!
Grande beijo.

Luciana disse...

Post perfeito!
viviei nesse blog, música e poesia? demais!

Anônimo disse...

amo Madonna, como fa da Maggie considero a repotagem perfeita! Felicidades!

Elisabete, West Shopping disse...

Madonna é tudo!
Presente perfeito pra nossa diva do pop.

Anônimo disse...

Show, amo a Madona.