domingo, 4 de julho de 2010

Armando

Recolhe sua matéria prima: a vida.
Apronta seu instrumento: as palavras.

Olha atentamente a profusão de cores que recobre seus olhos e alma.
Busca ao seu redor o sentimento que te move
e te transfigura
Armando-escritor.
Que Ama-escrevendo
Que altera a realidade dos dias
com sua poesia de observador minucioso.

Descreve em seus versos o que eu, você e o resto do mundo sente todos os dias
porém a loucura das horas nos impede de perceber
e viver, de fato, essa tal vida de que ele fala:
múltipla,
profunda,
dúbia,
apenas a vida...
mesclada com poesia, fica bem melhor.





Escrevi pensando nessa sua capacidade,Armando, de observar a vida e seus enlaces de forma tão apropriada, e o que sinto quando leio seus textos é um grito de 'SE ENTREGUE!': ao sentimento, à vida, à tudo que te toca... e enquanto escrevia esse singelo texto estava ouvindo essa música que,se eu acreditasse em coincidências, diria que essa é uma.
Vou postar aqui o vídeo e um trechinho mais expressivo:





'All night staring at the ceiling
Counting for minutes I've been feeling this way
So far away and so alone

But you know it's alright
I came to my senses
Letting go of my defenses
There's no way I'm giving up this time
Yeah, you know I'm right here
I'm not losing you this time

And I'm all in, nothing left to hide'














Ao Armando
que ama
e explica.
Que sente
e divide.

Meu carinho,
Rayanna

5 comentários:

Andréa Amaral disse...

Que lindo. Sempre sensível, hein, Rayanna? Você conseguiu com doçura expressar bem o que o Armando nos transmite com sua generosidade e entrega e sempre nos incitando a fazer o mesmo.

Camila Furtado disse...

É verdade, o Armando me parece ser aquele cara equilibrado, sempre pronto a ajudar, a dividir conhecimentos e espalhar amor pelos quatro cantos do universo. Justa homenagem e a música é radiante, como a aura dele.

Armando disse...

Rayanna querida...
Você me emocionou profundamente, sabia?!...
e me cativou...com tão belas palavras...

Que posso dizer além de muito obrigado?
me faltam palavras...
você me levou às lágrimas...

parece que me conhece faz tempo...
traduziu com fidelidade meu sentimento...
minha busca... meu contentamento...
o plantio do bem em meio ao caos social...
somente com poesia fica bem melhor...
você, em cheio, me acertou...

Tua sensibilidade me sensibilizou
me deu mais força prá seguir em frente... e me entregar, cada vez mais, à vida, à tudo que tem vida e a modifica prá melhor...

Tuas ricas palavras renovaram minhas esperanças...
e agora mais do que nunca... não acredito em coincidências...

Você me explicou...
e me ensinou, acho que sem perceber,
outra forma de amar... de sentir... de compartilhar...

Grato Rayanna...
sinta meu abraço de felicidade e gratidão...
minha amizade... e reconhecimento
de que você prá mim é muito especial...

e de forma mágica... passou a morar em meu coração...
e não ouse deixá-lo pois você o marcou com o brilho de sua grandeza... de seu valor... de seu dom de renovar esperanças com doces, simples e poderosas palavras.

Muito Obrigado e que Deus te Abençoe!

Quanto à música...rs
bem apropriada...
apesar de estar sozinho e distante...
acho mesmo que não devemos desistir..
tenho baixado minhas guardas...
e concordo que não devemos permitir... nos perder...
e, também, creio que verdadeiramente
valerá a pena...
apostar tudo! eu quero.. eu quero.. eu quero..rsrs

No todo... toda essa mensagem maravilhosa que vc postou prá mim
se traduz... como uma riqueza nas coisas simples...
então em sua homenagem.... dedico esta música que traz na essência este sentimento...
beijo no coração... querida... e mais uma vez... muito obrigado!!!
http://www.youtube.com/watch?v=248OYCo2r1g&feature=player_embedded

Sidarta disse...

Hum... Talvez tenha havido aí uma boa sincronicidade. Jung explica.

Ray, um grande beijo!

Lohan Lage Pignone disse...

Rayanna raiou! Armando, vc é um sortudo, essa menina é o sol desse blog.

Parabéns aos dois!